terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Demissão com planejamento

Eita que dia é hoje?

Dia 22 de janeiro? Já!??? Veeeesh Maria!!!
rS!

Faz um bom tempo que eu não posto nada..
Engraçado... hoje li bastante.. e fiquei com vontade de postar.. será que é por causa disso?

Pensando bem.. todas as vezes que postei algo, foi no mesmo dia em que li bastante...
hmm, curious... rS!

Bom.. hoje preciso relatar um fato ocorrido...

Um grande amigo (20 anos) desesperadamente falou com as seguintes palavras:
"-Vou pedir demissão"

Eu não entendendo nada perguntei o porquê, e de imediato respondeu:
"-Porque estava escutando Raul Seixas e não estou feliz com a minha vida"

Logo em seguida mandou-me o link:
http://letras.mus.br/raul-seixas/48326/

A música fala basicamente que o cara conseguiu as coisas e mesmo assim não estava satisfeito com a vida, que na verdade era um infeliz...

Enfim, o gordo estava entrando em depressão =(

Veio com uns papinhos de que não estava fazendo o que queria, de que estava vivendo uma rotina de pessoas oprimidas pela sociedade, que trabalhava 8 horas e nunca acontecia nada diferente, que queria ser rico logo, e que não queria ser esforçar por uma empresa que não é dele.

Eu conheço bem esse gordo fedido, e sei melhor do que ninguém que ele tem um potencial exuberante. Porém seu único problema é uma coisa chamada FOCO. Ele quer muito ser rico, tem umas ideias ótimas porém não as colocam em prática, ou seja, ideias fúteis.

Depois da choradeira, concordei dizendo que sim, que ele deveria sair do trabalho, só que antes tinha que possuir um planejamento, ou seja, se for para sair, que saia almejando algo, que saia em busca de algo, batalhando por algo. Nessa hora eu perguntei o que ele queria, e simplesmente falou que não sabia. Dai eu não aguentei e questionei:
"Se é imbecil? se vai sair assim, e não sabe o que vai fazer depois?" (desculpe-me pelo jeito agressivo.. mas é assim que nos entendemos)

 Esse é um caso bem comum na sociedade, a maioria das pessoas não sabe o que quer, só sabe o que não quer e o que as deixam insatisfeitas.

Reclamar é fácil, colocar a culpa na vida também, arranjar uma desculpa nos finais de semana de que trabalhou a semana inteira e por isso merece um descanso ou "diversão" todo mundo consegue.

Agora... passar noites varadas para finalmente concluir um projeto empreendedor, deixar de sair com os amigos para controlar a educação financeira ou controlar os gastos ninguém quer certo?

Outro ponto que ele levantou, foi o fato de que viver um bom tempo se matando, se sacrificando para ficar rico é ridículo, disse que isso é besteira e que isso não é viver.

É.. o meu amiguinho assistiu muitos daqueles videos "Viva agora, tire as roupas e pule na piscina como se não houvesse o amanhã" e no final vem aqueles flashes e o Sol nascendo sabe? Rs!

Sim, eu acho que fazer viagens, sair com a família, conhecer novas pessoas, comer comidas afrodisíacas são  fatores exponenciais para a felicidade de uma pessoa! Só que também não acho que viver só seja isso!

Na música do Raul, dizia que o cara conseguiu tudo, estava rico e bla bla bla e mesmo assim não estava feliz... agora eu me pergunto.. será que o eu lirico da canção batalhou por tudo isso?

O ponto que eu quero chegar, meu caro leitor, (UHAHUAUHAHU, eu sempre quis escrever isso gente, não liga não ok?), é no fato de que a vida só tem graça se tiver uma pimentinha de sofrimento!

É que nem quando eu jogava The Sims! Sabe aquele jogo de construir casas? Então.... qual é a graça do jogo? É simplesmente criar as casas!! Depois que a casa fosse construída, só restava matar os carinhas Rs! Ora matava tacando na piscina e tirava a escadinha, ora tacando fogo com o fogão!!!

Voltando.. (olha o foco!)

Acho que um dos maiores prazeres da vida é a caminhada árdua até o sucesso! Ou seja, é o suor do dia-a-dia!

"Nossa que absurdo Caio, tanta gente falando que se matar de trabalhar é uma vida infeliz, e que dinheiro não é tudo!".....ok entendo.. mas acho que essa frase só vale para pessoas mais velhas! Afinal, somos jovens, temos que aproveitar que temos força para nos dedicarmos Agora!!!

Eu sou aquele cara que deixa a parte de baunilha do sorvete de Magnum por último, ou seja, eu como toda casquinha de chocolate antes, para depois só ficar na parte de baunilha (que eu mais gosto), desse jeito eu aprecio o sorvete com mais intensidade!

E é o que eu almejo na minha vida financeira, quero me esforçar agora, para depois no futuro, curtir melhor a vida com os meus filhos e família!

Concluindo...

O gordo não vai sair do trabalho, agora ele vai tentar se focar mais, vai gastar menos com passivos, e vai investir mais. Vai tentar sair da "corrida dos ratos" (Não conhece essa expressão? Então leia o livro Pai Rico e Pai Pobre!)

Não existe problema em se matar trabalhando... o problema é quando você se mata para trabalhar para alguém.

Galera, essa conversa inteira foi baseada no fato de que os 2, tanto eu como o meu amigo queremos uma só coisa: ser ricos e não sabermos o que queremos da vida.

"O sucesso é construído de madrugada" Roberto Kiyosaki

Beijos... e bora PROGREDIR!!!!!